Wikia

Memória Alfa

Capitão

Discussão0
630 pages em
Este wiki
Insígnias de capitão
US o-3 rank pin.png
Forças Armadas dos Estados Unidos
SS patch captain.png
SS alemã
Ent capt.png
Frota Estelar da Terra
Tos capt.png
Frota Estelar, década de 2260
Mov capt.png
Frota Estelar, década de 2280 até o início do século XXIV
Tng capt.png
Frota Estelar, década de 2350-presente
29th capt.png
Frota Estelar, século XXIX
Mirror capt.png
Frota Estelar da Terra, século XXII (universo espelho)
Mirror capt-vest.png
Frota Estelar da Terra, década de 2260 (universo espelho)
Altcptrank.png
Frota Estelar, década de 2260
(realidade alternativa)

Capitão é uma patente militar, cujo equivalente é usado pelas organizações de serviços de muitas civilizações. A patente de Capitão geralmente é usada por comandantes de naves e, como patente de infantaria, a patente de capitão precede a de almirante e sucede a de comandante.

História da TerraEditar

Na Terra, o título de Capitão era usado desde a Idade Média, onde um Capitão era um nobre comissionado a comandar uma companhia de soldados. Um dos personagens da peça Henrique V de William Shakespeare foi citado como dizendo "A que Capitão serves?" quando abordado durante a vigia.

No século XX, a patente de Capitão era comum nas forças militares da Terra em todos os ramos de serviço nas forças armadas dos Estatos Unidos. A patente de Capitão era representada por uma insígnia de uniforme com uma barra prateada retangular dupla para unidades terrestres e pelo equivalente de uma águia de Coronel para capitães navais. Em 2364, a entidade Q assumiu a forma de um capitão do USMC ao confrontar o Capitão Picard. Nessa forma, Q foi citado como dizendo "Tudo que é preciso é de alguns bons homens".

A patente de Capitão também foi usada pela Alemanha da Segunda Guerra Mundial. No exército alemão, a patente era traduzida como Hauptmann ("chefe") mas, na SS, capitães de companhia referidos como Hauptsturmführer ("líder de ataque"). A insígnia de colarinho para essa patente era um quadradro preto com bordas brancas, com três pontos prateados em uma linha diagonal, com duas listras abaixo.

Em uma simulação de holodeque de uma campanha nazista na França, um grupo de hirógenos colocou a tripulação da USS Voyager contra alemães holográficos da década de 1940. Um capitão do Exército dos EUA chamado Miller foi o papel designado a Chakotay no programa; um capitão Hauptsturmführer da SS era outro personagem na simulação.

O capitão nazista em "The Killing Game" foi representado por J. Paul Boehmer. Ele foi relacionado como o Kapitän da SS, embora sua insígnia de patente fosse a de um Hauptsturmführer. Em ENT: Storm Front, Boehmer usaria o mesmo uniforme, mas com uma insígnia de Untersturmführer, dessa vez o crédito sendo dado como Agente da SS.

Capitães da Frota Estelar Editar

Em meados do século XXII, Capitão era uma patente de oficial sênior da maiorias dos serviços espaciais e geralmente conferida a comandantes de naves estelares. Essa patente naval é equivalente a patente de infantaria de coronel, a graduação de comandante do Império Estelar Romulano, ao título de Gul da União Cardassiana e ao título semimilitar de DaiMon da Aliança Ferengi.

Em naves estelares, o termo capitão também é freqüentemente usado como um sinônimo de oficial comandante. A terminologia naval apropriada diz que, mesmo que uma nave seja comandada por um oficial cuja patente seja inferior a de capitão, esse oficial ainda pode ser referido como capitão enquanto estiver no convés de sua própria nave, independente de sua patente comissionada literal.

Capitães de naves estelares, geralmente localizados centenas de anos-luz de e fora do alcance de comunicação com autoridades superiores, devem ser capazes de agir de maneira autônoma e tomar decisões de comando independentes que afetam as políticas da Federação e incontáveis vidas. Conseqüentemente, poucos oficiais da Frota Estelar chegam a receber a capitania de uma nave estelar, o resultado de décadas de excelência contínua como um líder da Frota.

Um capitão sênior que tenha recebido um grau elevado de responsabilidades ou de missões administrativas às vezes recebe o título de capitão-de-esquadra.

A patente de Capitão também pode ser mantida por membros que não sejam do comando, especialmente em naves com alguns oficiais veteranos e sêniors cuja experiência assegurou a elevação à patente de Capitão, mas sem o comando de uma nave estelar. Esse foi o caso na USS Enterprise-A, onde a equipe sênior era composta por não menos que três Capitães, sendo esses o Oficial Comandante (James T. Kirk), o Primeiro Oficial (Spock) e o Engenheiro-Chefe (Montgomery Scott) (Star Trek VI: The Undiscovered Country). O Capitão Scott havia ocupado anteriormente sua patente de Capitão enquanto atutou como Engenheiro-Chefe da USS Excelsior, onde era conhecido como o "Capitão de Engenharia" (Star Trek III: The Search for Spock).

A patente de Capitão também pode ser ocupada por oficiais de estado-maior, tais como aqueles designados como um Oficial de Setor Auditor Geral de Guerra. Tal foi o caso de Phillipa Louvois, que era uma oficial AGG de Setor em 2365. Alcançar a patente de Capitão em outros ramos que não o de comando na Frota Estelar é geralmente considerado difícil, como observado por um oficial de segurança que certa vez afirmou: "Vestir uma camisa dourada não faz de você Capitão". Contudo, é possível se obter a patente na divisão de ciências, visto que a patente era usada pelo Capitão Krasnovsky em 2267, embora ele possa ter possuído qualificações de comando ao mesmo tempo que era oficial de ciências.

Um Capitão Médico jamais apareceu em qualquer produção de Star Trek, mas é possível supor que Leonard McCoy ocupara a patente de Capitão, já que posteriormente ele é visto como um Almirante. Na Marinha dos Estados Unidos real, Capitães Médicos são bastante comuns como doutores seniores encarregados de hospitais da Marinha, com o Comandante do Corpo Médico da Marinha um Almirante de 2 estrelas.

Outras versões de Capitão Editar

Capitão é um título tipicamente usado por comandantes de naves mercantis e às vezes de naves de serviços. Em 2367, Wesley Crusher declarou em um tom confuso que Dirgo estava afirmando possuir a patente de Capitão enquanto servia como mestre da nave auxiliar de mineração Nenebek. Em resposta, Dirgo disse firmemente a Crusher que sim, de fato, sua patente era a de Capitão em comparação com a patente de Alferes de Crusher.

Bastidores Editar

A Milícia Bajoriana, que também usa nomes de patentes de exército, foi mencionada na Star Trek Encyclopedia como possuindo um grau de capitão, com uma insígnia vista em episódios em oficiais subordinados a Major Kira Nerys, embora eles jamais tenham sido mencionados por qualquer patente específica em produções ou materiais canônicos.

Links externos Editar

Mais da comunidade Wikia

Wiki aleatória